Globo faz pagamento extraordinário errado de R$ 318.600,40 via pix, rapaz compra casa e emissora exige dinheiro de volta - A Voz da Região

Agora

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2022

Globo faz pagamento extraordinário errado de R$ 318.600,40 via pix, rapaz compra casa e emissora exige dinheiro de volta

Segundo informações do portal MS Notícias a Globo está envolvida em uma história para lá de bizarra. Um profissional do RH da emissora fez o pagamento de indenização após a saída de um funcionário da empresa no valor de R$ 318.600,40. O problema é que o ‘Pix’ foi parar na conta de um homem que não tem nada a ver com a platinada.

De acordo com o Notícias da TV, o acordo trabalhista começou no dia 27 de dezembro do ano passado, quando a Globo acertou um acordo trabalhista. O problema é que a fortuna caiu na conta de Marcos Antônio Rodrigues dos Santos, que achou que o dinheiro era algum prêmio.

O felizardo curtiu as festas de fim de ano e logo deu entrada na casa própria. A Globo conseguiu identificá-lo e entrou em contato para reaver o dinheiro, mas ele explicou que seria impossível devolver já que teria investido o valor. Foi aí que a platinada entrou com um processo para resolver a lambança.


FUNCIONÁRIO CULPADO

A defesa do canal afirma que o funcionário que fez a transferência do pix teve um “lapso” e cometeu o erro. Ainda não se sabe como a empresa poderá fazer para ter os R$ 318 mil de volta, mas o magistrado que cuida do caso avalia que existem erros de todos os lados.


NA JUSTIÇA

O processo corre na 3ª Vara Cível do Rio de Janeiro e está parado porque a Globo afirma que o caso vale R$ 1 mil. O juiz Luís Felipe Negrão não permite a continuidade do processo enquanto a emissora não tomar uma decisão sobre o que fazer com o valor do caso.

Fonte: https://www.msnoticias.com.br/variedades/globo-faz-pagamento-extraordinario-errado-rapaz-compra-casa-e/133769/?fbclid=IwAR27Rub1e55FZDC8Ztx-xDD4V6vDFuA9fMemrux3pA9A6x8lIZelhj6IN4k

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Notícias relacionadas

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();