"Diga aos meus filhos que eu os amo": a última ligação de uma mulher antes de ser esfaqueada pelo marido - A Voz da Região

Agora

quinta-feira, 10 de novembro de 2022

"Diga aos meus filhos que eu os amo": a última ligação de uma mulher antes de ser esfaqueada pelo marido



Jay Barcelon se declarou culpado de esfaquear sua esposa,  Rhona Fantone, até a morte no ano passado em sua casa em Lemon Grove, Califórnia, EUA. 


Os fatos 


Em 16 de abril de 2021, Rhona, 30 anos, foi até sua casa procurar roupas para ficar com a irmã.

A enfermeira havia planejado não dormir em casa porque estava tendo problemas com Jay Barcelon, seu marido.     

Enquanto a mulher arrumava seus pertences, o casal discutiu novamente e ele a trancou em um armário. Diante disso, a mulher ligou para a irmã, pedindo que ela dissesse aos filhos o quanto os amava. Os filhos, de 10 e 12 anos, eram de um casamento anterior.

"Diga aos meus filhos que eu os amo""

Ela me disse para dizer a seus dois filhos que ela os ama muito. Ela me disse repetidamente: 'Diga aos meus filhos que eu os amo muito'", disse uma das irmãs de Rhoda, segundo o El Imparcial .     

O oficial do Departamento de San Diego, Thomas Seive,  entrou na casa depois de ouvir gritos do lado de fora.

De acordo com as investigações, "Jay esfaqueou Rhona dentro de casa. Jay até sofreu ferimentos durante a briga", explicou o oficial. 

Após os cortes causados ​​pelo esfaqueamento, Rhona foi transferida para uma sala de emergência, onde finalmente morreu.

Seu marido, entretanto, passou por uma cirurgia devido aos ferimentos, e mais tarde foi preso e acusado de homicídio. 

Embora Jay inicialmente tenha se declarado inocente, na última quarta-feira, dia do julgamento, ele confessou que havia assassinado Rhona. A sentença será proferida em 5 de dezembro e o homem corre o risco de 16 anos de prisão por assassinato em segundo grau.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Notícias relacionadas

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();