Mulher que matou o marido alega legítima defesa e é liberada em Itupeva - A Voz da Região

Agora

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2022

Mulher que matou o marido alega legítima defesa e é liberada em Itupeva



A mulher responsável por pela morte do companheiro com um golpe de faca após uma discussão na residência do casal, em Itupeva, na última segunda-feira (7), foi liberada pela Polícia Civil. O óbito foi constatado no hospital do município, na madrugada na terça-feira (8).

A mulher foi localizada pela Polícia Militar ainda na terça. Denúncia anônima levou a PM a encontrá-la no bairro Santa Eliza, de onde ela foi conduzida à delegacia para prestar depoimento.

Ela relatou que era agredida e que o marido chegou em casa embriagado e discutindo e sem motivos aparentes a atacou com chutes, “pauladas e tudo que achava pela frente”. Para se defender a mulher pegou uma faca e aplicou um único golpe no companheiro. Neste momento, começou a gritar por socorro aos vizinhos e decidiu fugir quando o agricultor foi colocado na ambulância.

A jovem garantiu que foi embora por ter achado que o marido voltaria e lhe faria mal. Ao descobrir que seu marido havia morrido, pediu para ligarem para a polícia, pois queria explicar o ocorrido (a PM informa que encontrou a mulher após denúncia anônima).

 A Polícia Civil irá apurar agora se a acusada agiu, de fato, em legítima defesa, o que pode fazer com que ela não seja condenada por assassinato.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Notícias relacionadas

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();