Jundiaiense Rita Orsi no Hall da Fama do Handebol paulista - A Voz da Região

Agora

terça-feira, 8 de fevereiro de 2022

Jundiaiense Rita Orsi no Hall da Fama do Handebol paulista

A treinadora de handebol Rita de Cássia Orsi será homenageada pela Federação Paulista de Handebol (FPHb) e entrará para o Hall da Fama do esporte. A exemplo das mais renomadas entidades esportivas, no próximo dia 19 de fevereiro, a FPHb fará a primeira edição do Hall da Fama, homenageando 10 personalidades que marcaram a história do Handebol de São Paulo dentre os 60 mil registrados na entidade ao longo dos seus 82 anos de existência.

Entre eles, a professora Rita, que trabalha com Handebol há quase 40 anos, foi fundamental para a modalidade na cidade e no país. Desde o início da carreira acompanhou o Jundiaí Handebol Clube e desde 2005 atua na seleção olímpica, onde conquistou o ouro nos Jogos Pan-Americanos do Rio e no Mundial de Handebol Feminino 2013.

HONRARIA

O prêmio é concedido exclusivamente para personalidades com reconhecida significância de seus méritos, proezas atléticas e realizações em prol do esporte. Para o presidente da FPHb, Paulo Moratore, o Hall da Fama “tem o propósito de valorizar a memória do esporte e conectar os fãs do presente com os ídolos do passado”.

O dirigente atribuiu o sucesso do projeto à qualidade da comissão de especialistas que foi composta por membros de reconhecido prestígio, experiência internacional e décadas de dedicação ao Handebol e que criteriosamente elegeram os nomeados em 2 etapas. “Quem é nomeado ao Hall da Fama torna eterno seu legado ao esporte, essa é a exata dimensão deste prêmio de modo que só nos resta aplaudir e agradecer todos aqueles que foram nomeados”, afirma Rogério Toto, idealizador e coordenador do projeto.

A Cerimônia de Nomeação programada para 19 de fevereiro as 18h, será aberta ao público mas é preciso reservar ingressos (R$ 60,00 por pessoa incluso jantar), pelo e-mail: fphb.halldafama@fphand.com.br

Confira abaixo as 10 personalidades nomeadas ao Hall da Fama da FPHb:

Alberto Rigolo – Técnico nas Olimpíadas de 1996 e 2004, primeiro a conquistar o Jogos Panamericanos (Santo Domingo 2003).

Prof. Dr. Antonio Carlos Simões – Técnico da primeira Seleção Olímpica em Barcelona 1992. Referência na formação de professores de handebol.

Daniel Baldacin – Único atleta brasileiro medalhista em mundiais indoor (interclubes 2002) e Bach (bicampeão mundial 2006 e 2010)

José Luiz Ramalho “Zequinha” – Multicampeão e capitão da Seleção Olímpica em Barcelona 1992.

Prof. Marisa Cecilia Loffredo – Bicampeã Panamericana, recordista de títulos nacionais em todos os tempos.

Prof. Pedro Ferreira – Ex-atleta de handebol de campo, formador de árbitros, intelectual e autor dos principais livros didáticos de handebol.

Prof. Rita de Cássia Orsi – Campeã Mundial de Handebol Feminino 2013 com participação em outros 7 mundiais e legado na formação de atletas.

Prof. Santo Baldacin Neto – Atleta lendário e indicado pela revista “The Sunday Times” entre os “1000

MAIORES ESPORTISTAS DO SÉCULO 20

Silvana Maria Silva “Silvaninha” – Árbitra internacional e primeira mulher a integrar o quadro da Federação Internacional – IHF.

Sueli Oliveira de Brito – Maior artilheira de todos os tempos, primeira atleta convidada a atuar no handebol europeu em 1983.

Fonte: Jornal de Jundiaí

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Notícias relacionadas

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();