Jundiaí - Divisão Florestal da GMJ salva criança de 45 dias engasgada - A Voz da Região

Agora

segunda-feira, 2 de janeiro de 2023

Jundiaí - Divisão Florestal da GMJ salva criança de 45 dias engasgada


A Divisão Florestal da GMJ salvou ontem (29) uma criança de 45 dias que havia engasgado após ser amamentado.

Segundo informações da GMJ, a equipe formada pelos guardas André Santos, Bruno e Vilson realizavam rondas na Vila Comercial que dá acesso ao Morro da Baleia na Serra do Japi quando foram solicitados por familiares. “Percebemos o desespero da mãe que nos informou que o bebê estava engasgado. Imediatamente fizemos as manobras de desengasgo e a criança voltou a respirar”, explica o GM André Santos.

Mesmo com a situação aparentemente controlada , os guardas encaminharam o bebê até o pronto socorro do Hospital Pitangueiras onde foi atendido pela equipe médica. Os enfermeiros elogiaram a ação rápida dos guardas.

A mãe emocionada agradeceu o trabalho e empenho das equipes.

Em menos de dois meses, foi a segunda vez que a GM faz esse tipo de salvamento e orienta quanto ao atendimento de desengasgo.

  • 1 – Reconhecer que o bebê está cianótico, sem respirar ou com muita dificuldade respiratória. Geralmente a boca fica roxa.
  • 2 – Colocar o bebê sobre a nossa perna. Virar a cabeça dele para baixo, segurar a boca até ficar meio aberta e fazer cinco compressões firmes contra o dorso dele. Bater na costas.
  • 3 – São batidas vigorosas para que a gente consiga realmente empurrar esse corpo estranho. Não tenha medo de machucar a criança, porque a mão de baixo está protegendo a parte frontal do corpo dela.
  • 4 – Com um dedo, abra a boca da criança. Proteja o tórax e vire a criança de volta para observar se ela continua com dificuldades para respirar.
  • 5 – Se ela continua com dificuldades para respirar, faça cinco compressões torácicas. Coloque dois dedos na linha entre os mamilos e empurre contra o tórax da criança por cinco vezes por cinco segundos.
  • 6 – Se ela não se recuperou, não está conseguindo respirar e a boca continua roxa, vire novamente para baixo, abre a boca e faço novamente a manobra.

(Fonte: Guarda Municipal de Jundiaí / Foto: Canva)


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Notícias relacionadas

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();