Fuga em massa durante saída temporária de Natal: 157 presos ainda são procurados pelas autoridades - A Voz da Região

Agora

terça-feira, 10 de janeiro de 2023

Fuga em massa durante saída temporária de Natal: 157 presos ainda são procurados pelas autoridades

A Secretaria de Administração Penitenciária (SAP) de Campinas, Hortolândia, Sumaré, Mogi Guaçu e Mogi Mirim, no estado de São Paulo, informou que 157 presos que foram beneficiados pela saída temporária de Natal não retornaram aos presídios dentro do prazo estabelecido. A saída temporária foi concedida a 4.357 detentos de oito unidades prisionais e teve início no dia 23 de dezembro de 2022, com prazo de término em 3 de janeiro de 2023. Os beneficiados pela saidinha que não retornam à unidade prisional de origem, passa a ser considerado foragido e perde automaticamente o benefício do regime semiaberto. A saída temporária de Natal é uma medida adotada anualmente pelo sistema prisional brasileiro como forma de aliviar a superlotação nas unidades prisionais durante as festividades de fim de ano. No entanto, a falta de retorno dos detentos beneficiados pela medida tem sido um problema recorrente e tem gerado preocupação entre as autoridades de segurança pública. Em um comunicado, a SAP afirmou que está trabalhando para localizar e recapturar os presos foragidos e reforçou a importância da participação da comunidade na prevenção da fuga de detentos. A secretaria também destacou que os presos que cumprirem o prazo de retorno serão submetidos a uma avaliação para determinar se podem continuar beneficiando do regime semiaberto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Notícias relacionadas

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();