Acusada de matar adolescente e esconder corpo em terreno era amiga e morava junto com a vítima, diz polícia - A Voz da Região

Agora

domingo, 27 de fevereiro de 2022

Acusada de matar adolescente e esconder corpo em terreno era amiga e morava junto com a vítima, diz polícia

Segundo informações do portal G1 a principal acusado de matar a adolescente de 16 anos que estava desaparecida desde a madrugada do dia 13 de fevereiro é amiga da vítima e morava com ela havia três meses, de acordo com a polícia. A jovem teve a prisão temporária decretada, mas continua foragida. A Polícia Civil informou que ela prestou depoimento na delegacia logo após o desaparecimento da adolescente, e que negou ter envolvimento no crime. Uma outra mulher, identificada como Graciele Aparecida de Moraes, de 19 anos, confessou ter participado do homicídio e foi presa preventivamente neste sábado (26). O corpo de Fernanda Vitória da Silva foi localizado, em estado avançado de decomposição, escondido sob mato em um terreno próximo ao bairro Caxambu. De acordo com a Polícia Civil, a amiga teria esfaqueado Fernanda e, com a ajuda de outra mulher, que foi presa, desovou o corpo em um matagal. O crime teria sido cometido por ciúmes, no entanto, a polícia não deu detalhes sobre a motivação. Junto ao corpo, policiais encontraram o par de chinelo da vítima e uma faca que teria sido usada no crime. Ainda conforme a polícia, a mulher presa nesta madrugada confessou que presenciou o crime e ajudou a esconder o corpo, mas que não participou do homicídio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Notícias relacionadas

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();