‘A mãe não conseguiu segurar o filho’, lembra tia de menino que voltava da escola em ônibus arrastado em Petrópolis - A Voz da Região

Agora

sexta-feira, 25 de fevereiro de 2022

‘A mãe não conseguiu segurar o filho’, lembra tia de menino que voltava da escola em ônibus arrastado em Petrópolis

Segundo matéria do portal G1 uma das vítimas dos ônibus arrastados pela enxurrada no Centro de Petrópolis que aparecem nas imagens desesperadoras do resgate é o estudante Pedro Henrique Braga Gomes da Silva, de 8 anos. Pedro é a criança que estava de mochila em cima de um dos ônibus. “A mãe tinha ido buscar ele no colégio. Quando a água levou eles, ela conseguiu colocá-lo para fora”, lembrou a tia, Teresa da Costa Silva Coutinho, de 52 anos. Enquanto Pedro, a mãe e outras 11 pessoas tentavam escapar, uma barreira caiu a metros dali, provocando um tsunami que atirou os coletivos para a calha do Rio Quitandinha. “Quando o outro ônibus bateu e o deles caiu, a correnteza levou os dois, e ela não conseguiu segurar o filho”, contou Teresa. Já são 11 dias de buscas por Pedro. A mãe está muito mal e praticamente não consegue participar do mutirão. Avó de Pedro, Sônia Gomes, de 56 anos, diz que a família não sabe mais o que fazer. “Ontem estive no IML de novo, e nada. A gente não sabe mais onde procurar, é muito complicado. Está todo mundo chegando no limite”, disse Sônia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Notícias relacionadas

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();