Esposa rastreia celular de marido roubado e ajuda a prender dois homens - A Voz da Região

Agora

quinta-feira, 6 de janeiro de 2022

Esposa rastreia celular de marido roubado e ajuda a prender dois homens




Na última quarta-feira (5), em Campinas, a Polícia Militar, por meio, de rastreamento de um celular, prendeu dois homens por roubo a um comerciante. O smartphone da vítima foi levado junto com o veículo dela, e a esposa conseguiu indicar para a polícia o local onde os suspeitos estavam.


O comerciante foi abordado por dois homens armados em uma moto na Vila Garcia. Ele teve o carro e a carga de pacotes de ração roubados, e relutou ao ouvir que deveria entregar o celular. No entanto, lembrou que a esposa segue os passos dele durante o dia, e jogou o aparelho no carro.


"Eu trabalho das 7h às 22h todos os dias e minha esposa sempre colocou esse aplicativo. Eu faço a chamada por WhatsApp e rastreamento em tempo real. Ela fica me monitorando o dia todo, coitada", explicou a vítima ao portal G1, que pediu para não ser identificada.


O comerciante informou para a esposa que tinha sido roubado, e ela acionou a Polícia Militar . "Eles [policiais] ficaram com minha esposa por 40 minutos ali, falando. O trabalho dela foi tudo", disse o homem.



O rastreamento levou a polícia a encontrar o carro roubado e um dos suspeitos foi detido próximo ao veículo. Ele tentou fugir, mas foi preso pela equipe.


A mulher do comerciante indicou, então, que o aparelho do marido estava em uma casa perto do local onde o carro foi abandonado. "Nós fomos até o local, chamamos na residência, onde o individuo, ao abrir o portão para nos receber, já acabou se entregando", explicou o cabo Diego Pero.


Segundo o cabo, o homem que foi preso perto do carro tem passagem pela polícia e já cumpriu 17 anos de prisão. Toda a carga de ração e o carro da vítima foram recuperados.



(Fonte G1)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Notícias relacionadas

'; (function() { var dsq = document.createElement('script'); dsq.type = 'text/javascript'; dsq.async = true; dsq.src = '//' + disqus_shortname + '.disqus.com/embed.js'; (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(dsq); })();